Sai da casa dos meus pais.

Oi pessoas, tudo bom com vocês? Eu estou ótima, vim aqui hoje conversar um pouquinho com vocês sobre como foi sair da casa dos meus pais.

A verdade é que não é nem um pouco fácil sair da casa dos seus pais, principalmente quando você é uma pessoa muito caseira e apegada ao seus familiares.
Tenho 22 anos, e nunca gostei de dormi fora de casa, acredito que nesses 22 anos de vida dormi uma vez na casa de uma amiga, e algumas vezes chorei na casa de familiares por estar longe da minha mãe.
Vou contar para vocês que eu imaginava que seria uma vida totalmente diferente quando eu saísse de casa, pensei que seria mais fácil acostumar com a casa nova, e que não sentiria saudades do meu quarto, da casa, do barulho dos meus irmãos andando dentro de casa a noite, juro que pensei que tudo isso não faria falta. Mas a vida real é bem diferente do que imaginamos, e eu senti muita falta.
Não vou esconder de ninguém que eu já chorei na primeira noite, quando eu e o Douglas ainda estávamos no avião voltando para Floripa, ali eu chorei porque não iria dormir na minha desconfortável cama de solteiro. Sair de casa é complicado, eu perdi as contas de quantas vezes eu chorei, mas eu aprendi com os choros mesmo que a minha mãe está bem na casa dela, e eu vou ficar bem na minha casa, comecei a pensar que eu tenho que buscar a minha felicidade e conforto e não ficar chorando.

O que você tem que ter antes de sair de casa é maturidade o suficiente para aprender a conviver com outra pessoa ou sozinho, aprender que as coisas da casa agora não vão simplesmente ser limpas ou arrumadas sozinhas, tem que ter uma mãozinha ali para lavar o copo, colocar as roupas sujas na máquina, ou qualquer outra coisa.
E uma casa vai muito além dos moveis e eletrodomésticos, não importa se você tem uma casa linda, maravilhosa com 10 cômodos, os melhores e mais confortáveis moveis, e os eletrodoméstico top de linha e ela não ser a sua cara e você não sentir-se em casa.
Então não tenha medo de deixar qualquer cantinho da sua casa do seu jeitnho seja com um quadro com fotos suas, do cachorro, da mãe, ou então uma caneca que você acha bonita e quer deixar ela de enfeite, não esqueça nunca de deixar a sua casa do seu jeito, para que você consiga acostumar-se mais rápido com o local e não sentir tanta saudade da casa da mãe.

Um breve desabafo

 

O que acontece é que esse negocio de ser adulto não é legal, não é o que eu esperava, para ser sincera sempre imaginei que ser adulto seria uma chatice. Me lembro muito bem que com meus adoráveis 15 anos vindo da escola com uma amiga conversávamos sobre ser adultas, e eu falei: Daqui há 3 anos vamos ter 18, que legal, quero que chegue logo (tola eu), é eu não pensei que depois dos 18 viria os 19, 20, 21… e por ai vai.
Você deve estar pensando: Por que uma moça tão nova tá reclamando da vida adulta? É eu também não sei, só sei que eu adoraria estar com 16 anos ainda, ou talvez 13 para sempre. Acontece que eu sou uma pessoa com 21 anos, com pensamentos muitas vezes de uma mulher de 30 e vontades de uma garota de 13. São muitas coisas que passam na minha cabeça, são tantas vontades e quase nada de realizações.
Para você entender um pouco do que passa na minha cabeça, eu quero casar, mas queria ficar em casa o dia inteiro dormindo, comendo e assistindo filmes/series. Sabe é tão louco isso, ser adulto, eu não sei sinceramente se é uma coisa boa, ou uma coisa ruim, eu ainda não descobri. Acredito que toda essa duvida vem de ver tantos adultos frustados com suas carreiras, adultos que muitas vezes fazem algo pelo dinheiro e não por gosto, adultos que só sabem ser gente grande, que não conseguem ver graça quando alguém conta uma piada tola.
Sei que muitas pessoas devem pensar que uma moça de 21 anos que vai casar falando essas coisas deve ser uma irresponsável, que não quer nada com a vida.
Mas eu quero, eu quero muita coisa, quero coisas maravilhosas para mim e tenho corrido atras do que eu quero.
Trabalho de segunda a sábado, tenho um curso técnico e estou decidindo qual faculdade fazer, vou casar, ter a minha casa e minhas responsabilidades dobradas. Aprendi com minha mãe que devemos correr atras do que queremos, que nem tudo aparece como magica na nossa mão.
Mas por mais que eu tente eu não consigo entender o que é ser um adulto, e quando entender o que é, prometo vou ser uma adulta legal.

O que me faz feliz?

Em um tempo livre qualquer fiquei pensando o que me faz feliz? E cheguei a conclusão de que são as coisas mais simples. Para mim o que sempre me deixou feliz foram os pequenos momentos bobos da vida, quando era criança ficava muito feliz quando meu pai me trazia doces, ou quando ele viajava e presenteava eu e minha irmã com algum brinquedo. E hoje eu percebi que o que tem deixado a minha vida feliz são aquelas coisas de graça sabe, aquelas que deixam a vida mais bonita e alegre.
O que me deixa feliz é a companhia de alguém especial, seja essa pessoa namorado, mãe, pai, irmãos ou amigos, desde que a pessoa esteja inteiramente ali naquele momento comigo.
O que me deixa feliz é relembrar momentos da vida, essa folha eu encontrei no verão de 2013, onde passei as férias com o Douglas, foi uma semana muito especial para mim, e outro dia achei ela dentro de um caderno e me fez lembrar o quanto aquelas férias foram boas.
O que me deixa feliz é estar em contato com a natureza, sim a natureza sempre me trouxe paz, parece que toda negatividade vai embora quando simplesmente encontro a tranquilidade da mãe natureza.
O que me deixa feliz é ser amada e amar, sinceramente não existe sensação melhor do que você saber que alguém se preocupa com você, saber que sempre terá alguém para te desejar um bom dia, boa noite, ter alguém para ser seu refúgio. Ser amada é a coisa que me deixa mais feliz, pois com o amor vem outros milhões de atos que me deixam feliz, um beijo, um abraço, uma gentileza inesperada e a proteção.Eu me sinto muito feliz por momentos tão lindos na minha vida, por poder sorrir e acordar todos os dias, e por cada dia eu ter mais uma chance de ser e fazer o que eu sempre sonhei.
Me conta ai, o que te faz feliz?

Sonhos…

Primeiro quero pedir desculpa por esse sumiço aqui no blog, na página, é que finalmente consegui um emprego e agora sou responsável, e somente nestas últimas estou conseguindo chegar em casa menos cansada, então peço desculpas a você que vem aqui no blog ver se tem conteúdo novo e não tem.

Se tem uma coisa que eu nunca gostei na minha vida é desistir dos meus sonhos, eu posso até por um curto tempo esquecer, fingir que não me importo mais, mas no fundo o que eu mais quero é ter vontade para voltar a lutar.
Esse ano pensei em desistir várias vezes de coisas que eu queria muito que acontecesse, não vou mentir que fraquejei muitas vezes e estava a ponto de jogar tudo para o alto e seguir em frente, aconteceu isso com o curso que estava fazendo, quando depois do 2 semestre eu reprovei e a minha maior vontade era não continuar, mas eu segui em frente e continuei fui até o fim, e fiquei muito feliz com a minha VITÓRIA, e outra coisa que eu quase desisti foi uma meta que tracei na minha vida, conseguir uma vaga em uma empresa que é referencia na área de telecomunicações.
Foi muito difícil para mim, receber uma ligação dizendo que não foi desta vez, quem sabe em uma próxima, mas eu continuei tentando e consegui, hoje estou trabalhando lá e muito feliz por isso. Mas mais feliz ainda por ter conseguir realizar coisas na minha vida, ter traçado metas e ter conseguido, e ter aprendido novamente a lição de que não devo desistir tão fácil de alcançar o que eu quero.
E aqui quero dizer a vocês que ainda acompanham o blog, mesmo eu sumindo de vez em quanto, que não tenham medo do que afasta você de um grande sonho seu, não tenha medo de tentar e não conseguir, e se isso acontecer, tente de novo, e de novo, e de novo, até você conseguir.
E falando em metas e sonhos, já estou traçando algumas para o ano de 2016, que espero que seja o melhor ano da minha vida.

Formada!

Quinta passada finalmente foi a minha formatura, confesso que não estava muito animada para ir confirmei presença e tudo mais, porém não estava com aquela vontade de ir acabei indo e me senti realizada, apesar de ainda não ser oficialmente técnica em telecomunicações (falta o estágio), estou sentindo que estou cada vez mais realizada profissionalmente e parece que deu um credito a mais para mim.
Vou mostrar aqui algumas fotinhos deste dia que foi mega importante para mim.
Essa é minha turma na hora do juramento, pensa em uma turma pequena é a minha, tinha apenas 6 alunos se formando e só eu de mulher.
Agradeço muito a todos que estiveram presente neste momento da minha vida, meu curso não foi facil, tive muitas dificuldades, pensei muito em desistir mas graças a essa pessoinha super especial eu consegui, agradeço do fundo do meu coração por tudo que você fez por mim nestes 2 anos, me ajudou a calcular corrente, tensão, me ajudou em algumas coisas na hora de configurar o servidor, me ajudou em tudo. Obrigada Douglas você mora no meu coração.E gente eu estou livre agora hahaha, eu vivia estressada, desmotivada e sem um pingo de criatividade, eu voltei e estou aqui agora.

Coisas aleatórias sobre mim

 

  1. Me chamo Tamires e meu sobrenome é lágrimas, e sim sou a pessoa mais chorona que alguém pode conhecer, você já sentiu do nada uma vontade enorme de chorar? Pois é eu sinto.
  2. Tenho um medo absurdo de escuro… E de elevador também.
  3. Não gosto de desistir das coisas, por mais que alguém possa achar bobo, eu não gosto de desistir de nada.
  4. Eu sou uma pessoa muito romântica, sim eu adoro aquela melação toda que tem no namoro e isso me deixa feliz.
  5. Eu odeio verdura, e não gosto de quase nenhuma fruta.
  6. Mas amo comer besteiras, amo chocolate, salgadinho, batata frita, hambúrguer e tudo que faz mal.
  7. Muitas vezes quando estou falando muito me enrolo com as palavras e falo meio que a língua do Yoda.
  8. Sou apaixonada pelo Legolas de O senhor dos Anéis.
  9. Eu assisto o seriado Under the dome e quando vou dormir a noite fico com medo.
  10. Eu tenho dó, muita dó de qualquer pessoa que eu vejo na rua e a aparência seja triste, minha vontade é de ir e abraçar e perguntar se a pessoa precisa de ajuda.
  11. Eu gosto de fazer o bem, por mais que meus atos de ajudar o proximo ainda sejam pequenos eu me sinto muito feliz em ajudar quem precisa.Peço com o coração para que quando você estiver com um tempinho responder essa pesquisa do blog. Quero conhecer melhor você que vem aqui. 😉Ó o link da pesquisa 

 

Follow my blog with Bloglovin

O fim de um ciclo!

 

É com muito orgulho que venho dizer que finalmente o meu curso acabou!!!!!
Para quem não sabe eu era estudante do curso técnico de Telecomunicações no IFSC, e agora a única coisa que falta para eu poder me tornar técnica é fazer a  carga horária de estágio, mas posso dizer que eu terminei esse bendito curso pois a parte mais suada já passou.
Foram 2 anos de curso, foram 2 anos um tanto difícil para mim, foi suado fazer esse curso e ter que aprender matemática e circuitos na marra, foi difícil mas eu consegui

 

Tô mega feliz mas também estou triste por ter acabado, por mais chato que era ir para a escola todos os dias, estudar em uma turma onde a maioria era homem, sofrer preconceito por você ser mulher e estar fazendo um “curso de homem”, eu vou sentir falta dos professores que além de grandes mestres eram grandes amigos, e com certeza vou levar muitas conselhos para o resto da vida. Foi um grande aprendizado na minha vida, eu cresci, eu chorei, eu me esperneei, me descabelei e quase fiquei louca mas eu sobrevivi e ainda estou com vontade de fazer engenharia.
O que eu tenho feito nesse tempo que eu não apareci por aqui!

Sai do meu estágio, sim eu sai da ong em que eu estava fazendo estágio. Lá foi um ótimo para o meu desenvolvimento pessoal, mas não profissional, infelizmente não tinha uma estrutura para que eu conseguisse colocar em pratica o que aprendi no curso, e agora eu estou na pista para negocio atras de emprego. Moço me contrata.

Na ultima semana de aula eu acabei descobrindo que eu estava com conjuntivite nos dois zóios, e olha foi a coisa mais chata que já aconteceu comigo, ó coisa irritante, olho coça feito doido, fui até parar no hospital. Mas logo fiquei bem. E nessas idas ao oftalmologista descobri que eu precisava usar óculos, e logo após a conjuntivite passar fui de novo no medico e já mandei fazer meu óculos.

E o que mais eu to fazendo nessas férias de aula e desempregada?Eu to jogando Life is Strange, quero dizer joguei pois já acabou o episodio, eu to lendo pouquinho e estou passando mais tempo com a minha mãe e minha irmã. Esses dois anos de curso fez com que eu ficasse cansada sempre e irritada, agora estou mais tranquila, eu acho.
É isso meus caros, e vocês o que estão aprontando?

Um dia no Beto Carrero

Oi pessoal, tudo bom? Aqui está tudo uma maravilha ainda mais após ter ido ao Beto Carrero.

No feriado do dia 01/05, meu namorado junto com minha família fomos ao Beto Carrero, localizado na Penha aqui em Santa Catarina.

Apesar de não ser a alta temporada o parque estava lotado, e estava muito muito calor, foi um dia para lá de inesquecível.
Fui obrigada a tirar uma foto nessa cegonha, quando fui no Beto Carrero a primeira vez tirei uma foto ai <3
Na fila da Fire Whip, quase 1:30 hrs esperando para ir no brinquedo, mas valeu muito muito muito ficar esperando. Agora eu posso dizer #eufui

Além de todos os brinquedos o parque tem muitas outras atrações para a família inteira ir, tem brinquedo radical, brinquedo para crianças, para a vovó e vovô e até mesmo para aqueles pais medrosos.
Tem trenzinho, passeio no zoológico, na água, shows e muito mais, realmente é para se divertir com a família toda, uma pena que o parque estava lotado e não deu para aproveitar mais tempo nos brinquedos, pois a cada brinquedo que eu pensava em ir tinha fila para mais de 1 hora de tempo de espera.
Mas foi muito bom o dia no parque, e já estamos planejando ir novamente em um dia que não seja feriado.
Uma dica muito útil para quem quer ir ao parque ó: compra o ingresso om antecedência no site, ou então liga para lá e faz reserva, pois na hora o ingresso fica mais caro.
E fica ligado aqui no blog que vai ter a parte 2 do post com fotos do zoo.
Quem já foi no Beto Carrero? E quem tem vontade de ir? Comenta ai!!
Beijão

 

Love is the air

Eu olhei pra essa foto e lembrei de todos os momentos que passamos juntos, de tudo que eu aprendi nesses 3 anos, do quanto crescemos, e o quanto você me ajudou a superar meus “fantasmas”.Essa menina da foto antes era bem bobinha e muito muito muito insegura, tinha medo de tudo e de se relacionar com as pessoas, vivia chorando e reclamando que não tinha amigos…
Ai ela conheceu um “cara” e começou a namorar com ele. mas ainda era muito insegura, e vivia mordendo o namorado, mas apesar de morder ele, ela gostava muito da sua companhia, da paz que ela tinha quando estava com ele e principalmente ela gostava dele. Apesar de tudo ser realidade ela ainda não acreditava que tinha um namorado mais velho e que gostava dela do jeitinho que ela era, e por ele ser mais velho e mais experiente ela era insegura e morria de ciumes…

[..] Hoje ela tem 20 anos e mudou muito, deixou de ser insegura e parou de se importar o que os outros pensam dela e não ta nem ai, parou de morder ele, e começou a viver a vida como nunca tinha vivido, tem sonhos de menina e de mulher, quer ser grande e ser criança ao mesmo tempo, e ele é o cara perfeito que sempre ajuda ela em tudo, principalmente a ser ela mesma e alcançar os sonhos dela.

Pensamentos aleatórios.
Lembrei de algumas coisas que aconteceram… Entre elas quando fomos até floripa fazer alguma coisa e o Douglas teve a brilhante ideia de ir até o shopping Beira-mar a pé, eu queria matar ele aquele dia,andamos quase 1 hora, e não ficamos nem meia hora no shopping e já voltamos…De pé. 
Outro dia combinamos de ir até Floripa de manhã cedo, sai de casa e fiquei esperando o bendito na estação e nem sinal de vida dele, sai de lá fui até a casa dele e lá estava o Douglas dormindo.
A viagem para são Paulo que foi cansativa mas foi muito boa, todos os finais de semana juntos, todos os filmes que assistimos, e os que vamos assistir, seriados e tudo… Todas vezes que cozinhamos e os finais de semanas que passamos juntos e sozinhos pra mim são os mais perfeitos e é a coisa que eu mais amo… Poder estar ao lado dele, do meu melhor amigo, meu namorado.
Sabe eu amo muito esse guri… Tudo que passamos juntos são coisas que pessoas fazem todos os dias, e as vezes se esquecem, são momentos especiais que as pessoas esquecem, mas que eu quero lembrar para sempre. 
Eu te amo meu amor.