Not now

Brincar de ser feliz, correr atrás de uma borboleta, olhar para as nuvens, observar as pessoas, falar palavras agradáveis  fazer estranhos sorrirem, acordar cedo, ouvir uma boa música, tentar tocar algum instrumento, cantar, correr, ter bons amigos… E gostar de fazer isso. Por que aquela coisa de gente chata, gente sem animo, carrancuda, mal humorada, o mundo não precisa mais,  mas sim de pessoas felizes, pessoas interessantes e inteligentes, inteligentes ao ponto de saber que a para a vida se tornar mais bela basta apenas um sorriso no meio de uma lágrima.

Uma música por semana.

Como semana passada não postei a música, desta vez serão duas.

A primeira é a música “SEI – NANDO REIS”.Por que ela me inspira, me faz viajar, me tranquiliza, fala de amor e é tudo de bom.


E a segunda ” My Valentine – Paul McCartney”.
Simplesmente fofa, o vídeo todo traduzido em libras, com a participação da atriz Natalie Portman e Johnny Depp. É muito gratificante assistir e ouvir.

Por mais que tenhamos mil e uma diferenças, ainda nos completamos. Por mais que ainda brigamos, discutimos, fizemos birras, o perdão prevalece. Por mais que tenha uma pequena distancia que separa meu corpo do seu, as lembranças ajudam. Por mais que tenha dificuldades, a vontade de ficar junto aumenta.  Por mais que qualquer coisa tente nos impedir, temos o melhor motivo para ficarmos juntos: O AMOR. 
Amor esse que podemos dizer que é lindo de ser vivido, amor que não há explicações nem razões, amor que brinca, amor que chora, que briga, amor que vive, amor que sente saudade, amor que ri, amor que é fiel, amor que sente, amor que é amor. 

Division bell

Era noite, as ruas da cidade escura, um vento soprava em meio ao meu ouvido, uma leve brisa caia sobre meu corpo. 
Por um momento achei que estava sozinha, olhei para o lado e vi alguém a beira da calçada, chorando, com receio me aproximei, com os olhos cheio de lagrimas uma menina me olhou.
Sem reação perguntei o que havia acontecido, ela respondeu que acabara de perder suas forças e coragem… Espantada, não hesitei e perguntei o porque daquelas palavras. E uma resposta me surpreendeu: Eu pedi a Deus um pouco de felicidade, e eu ganhei muita, mas não souber conviver com isso, e na minha primeira derrota… Bem, eu me machuquei, me feri, me humilhei… Em meio a soluços ela me mostrou algumas cicatrizes, em seu corpo. Mais a maior esta dentro de mim, não é possível vê-la, eu apenas posso sentir e sei que é muito maior, e dolorosa. Meu desejo agora, seria poder aprender que na minha vida nem sempre tudo vai ser fácil, afinal, o que eu fiz, desisti de ser feliz, foi a maior burrada, da minha história. 

Férias na praia!

Foi uma das melhores férias que eu já tive, e de todas essa foi  a melhor semana.
Muito tranquila, cheia de paz e romantismo ao lado do meu amor. Porém um pouco tediosa em algumas horas, e em outras extremamente cheia de vida. Obrigada meu amor por ter feito essa semana que passamos juntos a melhor de todas. <3

É mais do que uma simples admiração, carinho, paixão, é mais do que uma
 simples amizade, saudade, desejo, é
 mais do que a vontade de ter perto, é mais do que um abraço, beijo, sorriso.
 É mais do que isso, é muito mais,
 é amor que não se tem como medir, ou comparar, é amor que apenas se 
sente e faz o outro feliz.