Pipocando: 6 filmes do Studio Ghibli

Se você gosta de filmes fofinhos, histórias envolventes certamente vai adorar os filmes do Studio Ghibli, são filmes lindos de se ver, quando o filme começa você já fica fissurado no cenário, e quando acaba você com certeza vai achar que foi a melhor história que você já viu. Todos os filmes que eu assisti até hoje lembro perfeitamente da história, e como cada personagem é cativante,  cada filme tem um toque especial, alguns tem uma história que chama mais atenção, outros são os personagens que acabam nos conquistando de uma forma incrível e outros filmes acabam sendo um colírio para os olhos.
Fiz uma lista com 6 filmes, alguns eu já vi e outros ainda quero assistir, se você tem algum outro para indicar comenta ai.


Ponyo – Sosuke (Hiroki Doi) é um garoto de cinco anos que mora em um penhasco, com vista para o Mar Interior. Um dia, ao brincar na praia, encontra Ponyo (Yuria Nara), uma peixinho dourado cuja cabeça está presa em um pote de geleia. Ele salva a peixinho e a coloca em um balde verde. Trata-se de amor à primeira vista, já que Sosuke promete que irá cuidar dela. Só que Fujimoto (Jôji Tokoro), que um dia foi humano e hoje é feiticeiro no fundo do mar, exige que Ponyo retorne às profundezas do oceano. Para ficar ao lado de Sosuke, Ponyo toma a decisão de tornar-se humana.
O castelo animado –  Sophie é uma jovem de 18 anos que trabalha na chapelaria de seu pai. Em uma de suas raras idas à cidade ela conhece Howl, um mágico bastante sedutor mas de caráter duvidoso. Ao confundir a relação existente entre eles, uma feiticeira lança sobre Sophie uma maldição que faz com que ela tenha 90 anos. Desesperada, Sophie foge e termina por encontrar o Castelo Animado de Howl. Escondendo sua identidade, ela consegue ser contratada para realizar serviços domésticos no local, se envolvendo com os demais moradores do castelo.
Meu amigo totoro – 
Mei é uma jovem que encontra uma pequena passagem em seu quintal, que a leva à um lendário espírito da floresta conhecido como Totoro. Sua mãe está no hospital, e seu pai divide o tempo entre dar aulas na faculdade e cuidar de sua mulher doente. Quando Mei tenta visitar a mãe por conta própria, se perde na floresta, e só o grande e fofo Totoro pode ajudar a menina a achar o caminho de volta para casa.
O Reino dos Gatos –  
Essa é a história de Haru, uma garota muito preguiçosa que todos os dias chega atrasada na escola. Um belo dia, voltando para casa, salva um misterioso gato de ser atropelado. Na mesma noite a menina recebe a visita do Rei dos Gatos que a convida para conhecer seu reino, um lugar mágico, diferente de tudo, onde os bichos falam e se comportam como gente.
A viagem de Chihiro – Chihiro é uma garota mimada e voluntariosa, que sê ve numa situação infeliz quando seus pais anunciam a mudança para uma cidade do interior, obrigando-a a abandonar seus amigos e a escola que tanto gostava. Durante a viagem, eles se perdem, e vão parar em outro mundo, o mundo dos deuses. Chihiro agora deverá amadurecer, se quiser salvar seus pais e voltar a ver seu mundo.
Serviços de entrega da Kiki: Kiki é uma jovem bruxa que acabou de completar 13 anos. Segundo a tradição, quando atingem essa idade, todas as bruxas devem sair de casa por um ano para aprender a viver por conta própria. Ela se muda para a cidade de Korico, junto com Jiji, seu gato falante. Lá ela aprende a seguir em frente com sua vida, apesar de todas as dificuldades que possam surgir. (Tem resenha aqui)

 

Um breve desabafo

 

O que acontece é que esse negocio de ser adulto não é legal, não é o que eu esperava, para ser sincera sempre imaginei que ser adulto seria uma chatice. Me lembro muito bem que com meus adoráveis 15 anos vindo da escola com uma amiga conversávamos sobre ser adultas, e eu falei: Daqui há 3 anos vamos ter 18, que legal, quero que chegue logo (tola eu), é eu não pensei que depois dos 18 viria os 19, 20, 21… e por ai vai.
Você deve estar pensando: Por que uma moça tão nova tá reclamando da vida adulta? É eu também não sei, só sei que eu adoraria estar com 16 anos ainda, ou talvez 13 para sempre. Acontece que eu sou uma pessoa com 21 anos, com pensamentos muitas vezes de uma mulher de 30 e vontades de uma garota de 13. São muitas coisas que passam na minha cabeça, são tantas vontades e quase nada de realizações.
Para você entender um pouco do que passa na minha cabeça, eu quero casar, mas queria ficar em casa o dia inteiro dormindo, comendo e assistindo filmes/series. Sabe é tão louco isso, ser adulto, eu não sei sinceramente se é uma coisa boa, ou uma coisa ruim, eu ainda não descobri. Acredito que toda essa duvida vem de ver tantos adultos frustados com suas carreiras, adultos que muitas vezes fazem algo pelo dinheiro e não por gosto, adultos que só sabem ser gente grande, que não conseguem ver graça quando alguém conta uma piada tola.
Sei que muitas pessoas devem pensar que uma moça de 21 anos que vai casar falando essas coisas deve ser uma irresponsável, que não quer nada com a vida.
Mas eu quero, eu quero muita coisa, quero coisas maravilhosas para mim e tenho corrido atras do que eu quero.
Trabalho de segunda a sábado, tenho um curso técnico e estou decidindo qual faculdade fazer, vou casar, ter a minha casa e minhas responsabilidades dobradas. Aprendi com minha mãe que devemos correr atras do que queremos, que nem tudo aparece como magica na nossa mão.
Mas por mais que eu tente eu não consigo entender o que é ser um adulto, e quando entender o que é, prometo vou ser uma adulta legal.

3 anos de blog + Sorteio

Oi, hoje dia 17 de janeiro o blog faz 3 anos de existência, e isso me deixa muito feliz.
3 anos atras eu comecei algo que tem me ajudado muito a ser quem eu sou hoje em dia, 3 anos atras eu comecei a me libertar de pensamentos egoístas, aprendi a me abrir mais com as pessoas, comecei a perder a timidez, parei de temer as coisas que eu queria, e comecei a lutar com mais vontade para chegar em determinados lugares.
O blog Toca do Coelho faz parte de mim, é como se fosse um pedaço do meu ser, é aqui que eu consigo ser quem eu sou sem medo de julgamentos.
E agradeço muito a todos que aparecem aqui no meu cantinho,por mais que no ano passado eu tenha desaparecido daqui do blog algumas vezes, sempre tinha alguém aqui visitando e isso me deixa imensamente feliz, pois sei que sempre tem alguém que tira um tempinho e sempre aparece aqui no blog, e para você amigo que está sempre aqui, este é o meu singelo obrigada.

Agora sem mais delongas, para comemorar estes três anos de blog decidi fazer um sorteio, mas um sorteio de algo que todo mundo gosta, alguém tem algum palpite? Acertou quem pensou em livro. O livro que vou sortear aqui é O pequeno Príncipe, edição luxo da editora geração.

Regrinhas do coração:
Obrigatório:
Curtir a página do Facebook

 

 

Opcionais:
Seguir o blog no Google Friends (+1 inscrição)

 

Seguir o instagram @tamiispereira (+1 inscrição)
Seguir no google+ (+1 inscrição)
Inscrição no Youtube (+1 inscrição)update: O sorteio ocorrerá no dia 22/02.
Sorteio nacional

 

 

O que me faz feliz?

Em um tempo livre qualquer fiquei pensando o que me faz feliz? E cheguei a conclusão de que são as coisas mais simples. Para mim o que sempre me deixou feliz foram os pequenos momentos bobos da vida, quando era criança ficava muito feliz quando meu pai me trazia doces, ou quando ele viajava e presenteava eu e minha irmã com algum brinquedo. E hoje eu percebi que o que tem deixado a minha vida feliz são aquelas coisas de graça sabe, aquelas que deixam a vida mais bonita e alegre.
O que me deixa feliz é a companhia de alguém especial, seja essa pessoa namorado, mãe, pai, irmãos ou amigos, desde que a pessoa esteja inteiramente ali naquele momento comigo.
O que me deixa feliz é relembrar momentos da vida, essa folha eu encontrei no verão de 2013, onde passei as férias com o Douglas, foi uma semana muito especial para mim, e outro dia achei ela dentro de um caderno e me fez lembrar o quanto aquelas férias foram boas.
O que me deixa feliz é estar em contato com a natureza, sim a natureza sempre me trouxe paz, parece que toda negatividade vai embora quando simplesmente encontro a tranquilidade da mãe natureza.
O que me deixa feliz é ser amada e amar, sinceramente não existe sensação melhor do que você saber que alguém se preocupa com você, saber que sempre terá alguém para te desejar um bom dia, boa noite, ter alguém para ser seu refúgio. Ser amada é a coisa que me deixa mais feliz, pois com o amor vem outros milhões de atos que me deixam feliz, um beijo, um abraço, uma gentileza inesperada e a proteção.Eu me sinto muito feliz por momentos tão lindos na minha vida, por poder sorrir e acordar todos os dias, e por cada dia eu ter mais uma chance de ser e fazer o que eu sempre sonhei.
Me conta ai, o que te faz feliz?

DIY – Porta lápis cogumelo

Oi, tudo bem? Tem um tempinho já que eu descobri que amo biscuit, descobri isso em uma simples brincadeira de tentar montar a casa do hobbit, sobrou massa e eu fui fazendo outras coisinhas fofinhas.
Uma coisa que eu descobri, mexer com biscuit é muito relaxante e fácil, eu já fiz tanta coisinha, até papai noel. E o mais recente que eu fiz foi esse porta lápis para dar de presente para uma pessoa, e sim eu estava querendo muito compartilhar isso aqui no blog, e esse foi o momento. Espero que agrade vocês esse diy fofinho.
Materiais: Massa para biscuit (compro em casa para artesanato 1kg de massa sem cor), cola branca, agulha, régua.
Para fazer o cogumelo eu usei 2 cores, a massa vermelha eu tingi com tinta acrílica vermelho natal, e a outra foi com o dourado (usei só para dar um efeito de brilho na massa).
E para a graminha eu usei a massa verde (tingi com tinta óleo), e as florzinhas usei massa que eu já tinha guardada aqui em casa.
Você vai pegar a massa que irá ser o pé e começa fazendo uma bolinha, (igual a da 1 imagem).
1- Você vai pegar essa massa em uma superfície e fazer como se fosse uma minhoquinha (dessas que a gente faz de massinha quando é criança). É nessa parte que você vai definir a altura do seu cogumelo.
2- Vai deixando a parte de cima do pé maior que a de baixo, igual a imagem.
Eu achatei o pé do cogumelo na mesa mesmo, coloquei a massa sobre a mesa e pressionei levemente, você pode fazer isso com a régua.
Depois de ter feito o pé do cogumelo vamos para o chapéu, que é a parte mais fácil.
Comece também com uma bolinha (sempre comece com uma bolinha), depois aperte a bolinha sobre uma superfície, e o chapéu tá quase pronto.
Agora é só ir ajeitando com a mão para deixar ele do tamanho que você quer, e também fazer aquela curvatura do cogumelo.

Depois do pé e o chapéu pronto, é hora de colar! Passe a cola (pouca cola) na parte mais fina do pé e cole o chapéu.

Para fazer a graminha faça como igual o chapéu do cogumelo, coloque a bolinha sobre uma superfície lisa e amasse.  
E o efeito de grama pode ser feito com a agulha, pegue a agulha e vá fazendo riscos e puxando ela para cima. É bem mais simples fazer do que falar como fazer :p
Depois é só colar o cogumelo na grama, (as bolinhas do cogumelo você pode fazer com tinta, ou fazer bolinhas pequenas com a massa e colar), e a parte onde será colocar o lápis eu peguei um pedaço de massa abri ela, coloquei a massa em torno do lápis para saber a medida, e para deixar retinho cortei com a tesoura.

 

E pronto, é bem simples de fazer, em menos de 1 hora esta pronto (só esperar secar a massa).

Vou casar, e agora?

Com certeza uma coisa que sempre me deixou preocupada é o momento em que eu finalmente iria sair de casa, ter minhas contas para pagar, ter responsabilidade da casa toda sobre mim e finalmente deixar de depender dos meus pais para me sustentar.
Eu e o Douglas decidimos que vamos casar, já temos a nossa casa, o que falta é a reforma, moveis, eletroeletrônicos, louças e a gente juntinho dentro de casa. Antes que alguém me pergunte não teve aqueles pedidos em publico, apenas decidimos o que queremos para o futuro e chegamos nesta decisão, o casamento.
Apesar de ser um momento único e especial tem muitos gastos e dores de cabeça, o que tenho feito é juntar o máximo de dicas possíveis de tudo quanto é site, revista e de pessoas que já passaram por esta etapa, e meter a mão na massa.
Como já tenho algumas coisas em mente do que eu quero, sempre que possível estarei aqui compartilhando com vocês, e claro ajudando quem precisar também.
Coisas que você precisa saber antes de casar…

 

Esse é um conselho que eu falo mesmo ainda não estando casada, pois é uma tristeza ver tanta gente casando e logo separando, porque acabou descobrindo que a pessoa não era ideal, ou era chata demais, não conseguiu se acostumar com manias e o dia a dia acabou virando um saco.
Por isso antes de casar faça essa pergunta a você mesmo essa pessoa é ideal para mim? Ela me faz feliz?

Sabe aquele ditado, quem casa, quer casa? Então é mais ou menos por ai, acredito que o mais importante na vida de um casal é o que vem apos a cerimonia de casamento, é claro que festa e uma cerimonia bonita é o que vai ficar marcado para sempre, mas já pensou gastar milhões em um casamento e não ter onde morar? E a parte mais importante que é morar junto não ser aquela magia toda.
Com certeza isso é o que eu mais li em toda a minha pesquisa, e o que eu mais ouvi quando conversei com pessoas já casadas. E esta sendo a melhor escolha que eu já fiz, apesar de achar o tempo ainda muito curto, mas sim estou conseguindo me organizar bem.
Vai ter festa? A recepção dos convidados será em um restaurante? Bom eu já tinha decidido o que seria antes mesmo de marcar data e tudo mais, escolhemos um restaurante porque foi a opção mais barata que encontramos, se fossemos contratar um buffet para ir até um salão sairia o dobro do que vamos pagar para o restaurante, e seria somente a comida, sem louças, talheres, toalhas, mesas, cadeiras. E o restaurante que escolhemos tem tudo isso.

 

Ainda não decidimos que fotografo vamos escolher, estamos fazendo uma seleção de profissionais com um trabalho bacana, e a proxima etapa é fazer o orçamento e ai sim contratar a pessoa. Não estamos nos preocupando muito com o preço, mas sim com a qualidade do trabalho.

 

Sonhos…

Primeiro quero pedir desculpa por esse sumiço aqui no blog, na página, é que finalmente consegui um emprego e agora sou responsável, e somente nestas últimas estou conseguindo chegar em casa menos cansada, então peço desculpas a você que vem aqui no blog ver se tem conteúdo novo e não tem.

Se tem uma coisa que eu nunca gostei na minha vida é desistir dos meus sonhos, eu posso até por um curto tempo esquecer, fingir que não me importo mais, mas no fundo o que eu mais quero é ter vontade para voltar a lutar.
Esse ano pensei em desistir várias vezes de coisas que eu queria muito que acontecesse, não vou mentir que fraquejei muitas vezes e estava a ponto de jogar tudo para o alto e seguir em frente, aconteceu isso com o curso que estava fazendo, quando depois do 2 semestre eu reprovei e a minha maior vontade era não continuar, mas eu segui em frente e continuei fui até o fim, e fiquei muito feliz com a minha VITÓRIA, e outra coisa que eu quase desisti foi uma meta que tracei na minha vida, conseguir uma vaga em uma empresa que é referencia na área de telecomunicações.
Foi muito difícil para mim, receber uma ligação dizendo que não foi desta vez, quem sabe em uma próxima, mas eu continuei tentando e consegui, hoje estou trabalhando lá e muito feliz por isso. Mas mais feliz ainda por ter conseguir realizar coisas na minha vida, ter traçado metas e ter conseguido, e ter aprendido novamente a lição de que não devo desistir tão fácil de alcançar o que eu quero.
E aqui quero dizer a vocês que ainda acompanham o blog, mesmo eu sumindo de vez em quanto, que não tenham medo do que afasta você de um grande sonho seu, não tenha medo de tentar e não conseguir, e se isso acontecer, tente de novo, e de novo, e de novo, até você conseguir.
E falando em metas e sonhos, já estou traçando algumas para o ano de 2016, que espero que seja o melhor ano da minha vida.

Sorteio Japan Candy Box

Oi pessoal, lembram do post que eu fiz daquela caixa de doces do Japão? Que tal ganhar uma? Então quem gostou e estiver afim de tentar a sorte e ganhar é só participar do sorteio que tá aqui em baixo.

Lembrando que o sorteio é internacional, qualquer pessoa de qualquer pais pode participar, é só preencher as entradas que quiser e pronto. E também nem todas entradas são  obrigatórias, preencha a que você achar melhor, mas claro que quanto mais entradas mais chances.O sorteio será feito pela Japan Candy Box, e quando acabar o sorteio e sair o vencedor eu edito este post com o nome, e posto lá na página também.

a Rafflecopter giveaway

#MEAMOASSIM: Momento de reflexão

Durante esses meus 21 anos de idade passei por muitos momentos de fúria contra o meu verdadeiro eu, muitos momentos de raiva contra quem eu sou, ou quem eu poderia ser no futuro, momentos de desespero ao me olhar no espelho e não enxergar beleza alguma, momentos de desespero, e medo de crescer e não saber quem eu sou, ou o que eu estou fazendo aqui. Não vou mentir muitas vezes eu me pergunto e me desespero em não saber o que será do meu futuro, mas todo mundo sabe que o futuro depende de todos os nossos atos aqui no presente, então se eu quero algo para lá na frente eu ser feliz, tenho que batalhar e correr atras agora.
Esse mês estou participando de uma postagem coletiva sobre crescer, mudar e amar, é um tema bastante legal e com certeza fez com que eu tirasse um tempo para refletir sobre algo.

 

Tem alguns momentos na nossa vida que precisamos deixar muita coisa para trás e acabar mudando, deixar algumas pessoas que nós deixaram chateados, ou até mesmo mudar de cidade e o dia a dia com pessoas próximas chegar ao fim, algumas mudanças na vida é algo totalmente necessário, pois só assim conseguimos nos tornar mais fortes e experientes.

 

Uma vez quando estava muito chateada por ter levado um pé na bunda a pessoa me falou que tinha mudado e por isso não queria mais a minha companhia, na hora fique muito chateada e tudo que eu conseguia pensar era “como que você mudou tanto? Ninguém muda de uma hora para outra”. Hoje refletindo sobre isso eu vejo que não é bem assim, e realmente é verdade ninguém muda de uma hora para outra, demora, é um processo que vai acontecendo no dia a dia, e quando a gente se dá conta, já esta feita a mudança. E assim aconteceu comigo, eu era extremamente estressada, irritada e chata, hoje eu mudei e não levei tanto tempo assim, acontece que quando crescemos aparecem necessidades na vida e essas necessidades acabam fazendo a gente mudar, crescer e o mais importante amadurecer.


Sinceramente eu não me via aqui com meus 21 anos escrevendo este texto, nem muito menos refletir sobre a vida, ter planos para o futuro, na verdade quando mais nova nunca pensei muito em planejar o futuro, e hoje eu percebo que isso é tudo crescimento pessoal.
Quando você esta de bem com a sua vida, de bem com o espelho, com a mente tudo é mais fácil fluir, aprendi a olhar no espelho e ver que sou uma vencedora mesmo que em muitas situações na minha vida me deixe muito frustada. Mas é muito simples você se sentir bem, apenas aplique algumas palavras de poder na sua vida, se olhe no espelho e se veja sempre linda, de poder a todas as suas qualidades, e seus defeitos coloque em uma caixa e os transforme em qualidade, nunca se esqueça de que você foi feita para vencer, para amar, se amar e ser amada. 

Indico para participar do projeto e fazer uma postagem no blog com o tema:
Lua de Outubro – Idéias trocadas – A mesma essência

Japan Candy Box

Japan Candy Box é uma caixa com 8 a 10 doces escolhidos por mês, e enviado diretamente na sua casa (você pode consultar valores aqui).
Eu fiquei bastante feliz quando o correio veio aqui entregar a caixa, e fiquei muito surpresa com os doces que tinham dentro da caixa e mais surpresa ainda com os sabores, nunca tinha experimentado doces japoneses e olha tem muita coisa diferente do que costumamos comer aqui.
Esses foram os itens escolhidos para o mês de Agosto, ah tinham 10 itens.

Meiji Yan Yan Biscuit Stick -São palitinhos com um creme de morango, me lembrou um pouco aquele iô-iô, mas achei muito mais gostoso e não é nem um pouco enjoativo, nem doce demais, só é uma pena que vem pouquinho.
Tohato Anpanman Caramel Corn – Esse foi o doce que mais me deixou confusa em relação ao sabor, quando vi o pacote pensei que era salgadinho, mas quando provei percebi que só a textura é a mesma pois o gosto é bem diferente, parece salgadinho só que doce. O Douglas achou o gosto parecido com pipoca, eu não consegui achar uma definição para esse.

Puccho Chewy Candy – Isto é uma balinha deliciosa de melancia que parece muito com um chiclete, é muito bom sério, e bastante cansativo de comer haha, é que você acaba mastigando e não acaba muito.

Rilakkuma Cookie Sticks – Esse foi o meu preferido, sabe aquele salgadinho stiksy? Então é bem parecido a textura e tudo mais, porém é doce, e muito melhor, é docinho e bem delicioso, dá vontade de ficar comendo toda vida, vou confessar que guardei alguns aqui ainda e to comendo aos poucos pois é muito bom.
Este realmente é um doce que eu queria que a caixa fosse enorme e cheia de palitinhos gostosinho.

Kracie Tsunagete DIY Candy Kit – Este é uma bala que você pode montar corrente, é muito boa tem um gostinho parecido com tuti-fruti na realidade eu também nunca vi nada parecido aqui no Brasil.
Quando você olha a imagem parece uma bala durinha mas ela na verdade é muito macia.

Yaokin Sweet & Sour Paper Candy – Esse primeiro é uma pasta de açúcar, eu achei muito estranho nunca comi nada parecido aqui no Brasil para falar a verdade nunca vi, apesar de ser muito estranho eu gostei é diferente.
Bourbon Petit Chocolate Stuffed Cookies –
E o segundo são bolachinhas recheadas, são bem fofinhas e o recheio são uma delicia.
Shigekix Super Sour Grape Gummies – Essa bala foi o único doce que eu realmente não gostei, é muito acido e eu odeio coisas acidas, para quem gosta ok, o Douglas adorou, mas eu odiei, não consegui ficar mais do que 1 minuto com essa bala na boca. 
Moominvalley Biscuits – Esse biscoitinho é outro que é uma delicia, ele me lembrou um pouco infância, tem gosto de bolacha de leite normal (tipo aquelas da vaquinha), é muito gostoso e comer ele com um achocolatado é melhor ainda, só é uma pena que o pacote seja tão pequenininho e vem pouco biscoito.
Resumindo: Eu adorei os doces (quase todos) e só fiquei um pouquinho chateada por acabar tão rápido, mas em compensação é tudo muito bom e divertido provar coisas diferentes.

Se você gostou de algum destes doces mas não tá afim de assinar para receber a caixa em casa clicando no link você vai para o site da blippo e pode comprar só o que você gostou.
Quem já experimentou algum destes doces do Japão? Quais vocês ficaram com vontade de provar? Conta ai!!!! #japancandybox