Um breve desabafo

 

O que acontece é que esse negocio de ser adulto não é legal, não é o que eu esperava, para ser sincera sempre imaginei que ser adulto seria uma chatice. Me lembro muito bem que com meus adoráveis 15 anos vindo da escola com uma amiga conversávamos sobre ser adultas, e eu falei: Daqui há 3 anos vamos ter 18, que legal, quero que chegue logo (tola eu), é eu não pensei que depois dos 18 viria os 19, 20, 21… e por ai vai.
Você deve estar pensando: Por que uma moça tão nova tá reclamando da vida adulta? É eu também não sei, só sei que eu adoraria estar com 16 anos ainda, ou talvez 13 para sempre. Acontece que eu sou uma pessoa com 21 anos, com pensamentos muitas vezes de uma mulher de 30 e vontades de uma garota de 13. São muitas coisas que passam na minha cabeça, são tantas vontades e quase nada de realizações.
Para você entender um pouco do que passa na minha cabeça, eu quero casar, mas queria ficar em casa o dia inteiro dormindo, comendo e assistindo filmes/series. Sabe é tão louco isso, ser adulto, eu não sei sinceramente se é uma coisa boa, ou uma coisa ruim, eu ainda não descobri. Acredito que toda essa duvida vem de ver tantos adultos frustados com suas carreiras, adultos que muitas vezes fazem algo pelo dinheiro e não por gosto, adultos que só sabem ser gente grande, que não conseguem ver graça quando alguém conta uma piada tola.
Sei que muitas pessoas devem pensar que uma moça de 21 anos que vai casar falando essas coisas deve ser uma irresponsável, que não quer nada com a vida.
Mas eu quero, eu quero muita coisa, quero coisas maravilhosas para mim e tenho corrido atras do que eu quero.
Trabalho de segunda a sábado, tenho um curso técnico e estou decidindo qual faculdade fazer, vou casar, ter a minha casa e minhas responsabilidades dobradas. Aprendi com minha mãe que devemos correr atras do que queremos, que nem tudo aparece como magica na nossa mão.
Mas por mais que eu tente eu não consigo entender o que é ser um adulto, e quando entender o que é, prometo vou ser uma adulta legal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *